Cuidado com as linhas

Muito cuidado com as linhas de pesca.

Olá pescador.
Neste artigo, alem de falar um pouco sobre as nossas linhas de pesca.
Mais propriamente, a linha dos nossos estrálhos, ou pernadas.
Quero te dar uma dica de um hábito, que considero muito importante.
Hábito esse que fui ganhando com os anos de experiência, e com muitos dissabores á mistura.

A linha do estralho, é o elo mais fraco de toda a nossa montagem de pesca.
Isto na pesca aos sargos e na maioria das modalidades de pesca.
A excepção do surfcasting, em que é comum a linha do carreto ser mais fina, para permitir alcançar maiores lançamentos.
Mas na maioria das pescarias é com a linha do estralho, ou pernada com que temos de ter o maior cuidado.
Porque se um peixe levar o nosso conjunto de pesca até ao limite e conseguir fugir.
Certamente não foi porque a cana partiu, ou o carreto não aguentou.
O mais comum é romper a nossa linha mais fina.


Testa sempre a linha.

A fim de evitar dissabores, é aconselhável prestar muita atenção, ao estralho.
Aumentar a espessura das linhas de pesca é uma coisa que eu evito ao máximo.
Pois para mim, pior do que ferrar um bom peixe e acabar por o perder, é ir á pesca e não ferrar peixe nenhum.
Por esse motivo, uso sempre no estralho a linha com a melhor qualidade que possível.
O que para um pescador pouco experiente, pode até nem fazer sentido.
Como explico neste video/artigo “Vale a pena usar fluorocarbono

Assim ganhei um hábito, que me tem ajudado muito mesmo a perder menos peixe.
Ou seja, sempre que estou a fazer a montagem para pescar, confirmo sempre muito bem as linhas do estralho.
Pois basta andarem expostas á maresia e ao ambiente marinho algumas vezes, para que percam muita da sua qualidade.

Abraço MM

Manuel Monteiro

Manuel Monteiro tem mais de vinte anos de experiência em pesca desportiva pela qual é apaixonado, especialmente á pesca aos sargos e mais de dez anos a trabalhar numa loja da área.

Website: https://segredosdepesca.com/oferta

    4 Comentários

    1. Luis Almeida

      Boas amigo Manuel,

      Obrigado por mais esta fica fantástica, fui logo ver as minhas linhas e TB tinha uma bobine estragada…
      Como cuidas das linhas flúor depois das pescas?

      O mesmo que se faz na linha do carreto, lavar com agua doce e lubrificar?

    2. Antonio Pacheco Costa

      Obrigado Manel, vou já ver as minhas linhas.
      Abraço

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *