como saber a profundidade do pesqueiro???

Como saber a profundidade do pesqueiro???

Esta é sem duvida uma das perguntas que mais me fazem, quando se fala de pesca ao pião.
É natural que o pescador menos experiente ao chegar ao pesqueiro, tenha essa duvida, pois é preciso
um pouco de pratica e de experiência para calcular de que tamanho deve fazer o estrálho (que é diferente de saber a
profundidade do pesqueiro) pois mesmo que soubesse exactamente a profundidade do pesqueiro, será que sabia de que tamanho deve fazer o estralho?
Como digo no vídeo, o mar não é uma barragem, e como sabemos para se fazer a pesca aos sargos ao pião, o mar deve de estar bem mexido e oxigenado, e normalmente o pesqueiro é composto por zonas rochosas muito irregulares, se juntarmos a isso a força do mar a subir e descer as rochas e a amplitude das marés, a dita profundidade do pesqueiro pode variar em muitos metros entre uma onda e outra.

img_20160602_153756
É natural no ser humano a procura de números, de medidas, de dicas, de atalhos para se chegar a um objectivo,
mas quando se trata de ter resultados na pesca desportiva o numero mais importante que conheço, é o numero de vezes que vamos á pesca, pois os peixes e o mar não querem saber de nada disso.
O mais importante é tentar compreender e conhecer os hábitos dos peixes o melhor que possível, e da mesma maneira
ter a pratica e a experiência de como uma linha com um peso (ou não) e com um anzol iscado, se comportam dentro da agua com vários tipos de mar,para assim tentar fazer uma boa apresentação da isca aos peixes.
O saber a profundidade de um pesqueiro, não vai ajudar em nada o pescador, se este não souber o que fazer, pois assim como vos digo no vídeo, os peixes tanto podem estar a comer junto ao fundo como podes estar alvorados
(a comer mais junto á superfície).
Como identificar todos estes factores, requer muitos anos de pratica, e quando digo de pratica não digo simplesmente ir á pesca passar tempo, mas sim anos e anos a aprender com especialistas de todo o Pais e centenas e centenas de jornadas dedicadas única e simplesmente a fazer experiências a aprender a tentar evoluir como pescador, muitos dias que podia trazer uma alcofa cheia de peixe, mas que preferi fazer experiências e aproveitar esses dias que sabia que os peixes estavam no pesqueiro, para os tentar perceber melhor.
É este tipo de conhecimento que eu ensino no curso SEGREDOS DE PESCA em mais de trinta vídeo aulas onde ensino no local da pesca em pratica, o que realmente importa, o que faz realmente a diferença entre conseguir pescar os peixes ou como vejo a esmagadora maioria dos pescadores “a guardar os peixes” pois estão no pesqueiro e não os tão a pescar.

Guardar

Guardar

Guardar

Outros vídeos de interesse:

Manuel Monteiro

Manuel Monteiro tem mais de vinte anos de experiência em pesca desportiva pela qual é apaixonado, especialmente á pesca aos sargos e mais de dez anos a trabalhar numa loja da área.

Website: http://segredosdepesca.com/oferta

6 Comentários

  1. Sergio Araújo

    Mais uma boa dica!

  2. Francisco Silva

    A minha zona não é pedregosa. tem um rochedo ou outro, mas o forte sáo praias de areia, Daí a modalidade mais praticada ser o surfcasting. Ora o forte do Manel é a pesca nas rochas, à bóia ou ao piâo, mas nada de areia. Receio gastar o dinheiro do Curso e não extrair daí pleno proveito. mesmo sabendo que há muitos conhecimentos comuns a todas as pescas. Gostava que o Manel fizesse o favor de corroborar ou não as minhas dúvidas porque reconheço nele um homem sério.
    Obrigado

  3. Pedro Fernandes

    Tal como o colega acima, encontro-me numa situação semelhante e tenho de reconhecer que é fantástico encontrar alguém com pré-disposição em ajudar/partilhar o conhecimento mesmo que por um preço a pagar. Seja como for, como iniciante nesta prática tenho aprendido e extraído muitas informações dos videos e dicas do Manuel. Assim sendo, também estou disponível para ser ajudado na prática do surfcasting ou “chumbadinha” (pois a parte rochosa QB não é cmg) e ajudar de certa forma o Manuel a ter mais condições para produzir este tipo de conteúdos.

    • Pedro Fernandes, muito obrigado pelo seu comentário.
      Fico muito feliz por ver que valoriza o meu trabalho.
      O meu curso http://www.segredosdepesca.com/curso/ é extremamente completo e embora seja direccionado para a pesca aos sargos nas rochas, ajuda muito muito todos os pescadores de outras modalidades inclusive na pesca de barco.
      Pois ficamos a conhecer melhor os peixes e os seus hábitos.
      Assim como os devemos enganar e quando.
      Abraço MM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *